Pedras preciosas: gema cristal de andaluzita

A andaluzita ou andaluzite é um mineral silicato de alumínio, com a fórmula química Al2SiO5.

 https://naturezacuriosa.bioorbis.org/2019/10/a-gema-cristal-de-andaluzita.html
Andaluzita em forma de gema. Fonte da imagem: purajoia

Escala de Mohs: 7 a 7,5
Gravidade específica: 3,12 a 3,20
Sistema cristalográfico: ortorrômbico
Coloração: marrom-amarelado claro, verde-garrafa, rosa-amarronzado claro ou verde-acinzentado.
Ocorrência: Espanha, Austrália, Brasil, Birmânia, Canadá, Sri Lanka, EUA.

A andaluzita é um mineral comum em zonas de metamorfismo regional e se forma com baixas pressões e/ou temperaturas. Os minerais cianita e sillimanita são polimorfos da andaluzita, cada qual ocorrendo em regimes diferentes de temperatura-pressão, não ocorrendo pois em simultâneo na mesma rocha. É transparente, de cor variável, prismática, fortemente pleocroica e usada como gema, embora raramente tenha mais de 2 quilates.

É produzida principalmente no Brasil e no Sri Lanka. Dureza 7,0 a 7,5 e densidade 3,16 a 3,20. A quiastolita é uma variedade de andaluzita cujos cristais contêm inclusões carbonosas em forma de cruz, sendo comum em algumas rochas metamórficas.

Os cristais de qualidade às vezes são lapidados como gemas, especialmente quando exibem uma cor esverdeada ou avermelhada. A andaluzita é um mineral característico das rochas metamórficas de baixa pressão. Rica em alumínio e pobre em cálcio, potássio e sódio.

Para finalizar veja um vídeo do nosso canal BioOrbis, sobre Como os FÓSSEIS são formados?:

Comentários

Seguidores

Agregadores

GeraLinks - Agregador de links Uêba - Os Melhores Links Linka Links - Agregador de links Trends Tops Agregador de Links Eu Te Salvo O 1º agregador de conteúdo de Portugal